A realidade do UK II - Cultura

Cultura

Esqueçam os programas da BBC todos pipis que passam cá. Isso é tipo a RTP2 de lá. O que o inglês vê é só porcarias tipo Big Brother (muito mais "podre" que o nosso), eles gostam é de ser escandalizados. Os jornais mais lidos são os tabloides Daily Mirror e o The Sun que são uma mistura de "o Crime" com o "24 horas". No "The Sun" na página 3 vem sempre uma inglesa nua, do "povo". É uma versão ranhosa da Playboy Central. Se prestarem atenção vêem que muita mulher famosa no UK foi "page 3", como por exo a Samantha Fox. Existe um jornal que é o Daily Sport, que é só cor-de-rosa por dentro. Uma vez o David Coulthard tinha ganho o GP de F1 e era-lhe dedicado um quadradito na ultima página.

A nível de música praticamente só passa lá martelada e hip-hop em todas as rádios e bares. Ne mesmo os êxitos dos anos 80 se ouvem assim tão frequentemente.
Literatura parece também não ser lá grande preocupação, os livros do David Beckham vendem qb. O inglês conservador parece gostar mesmo é de escândalos. Não deixa de haver grande quantidade de obras de grande qualidade sobre pormenores históricos do país. Cinema é mesmo os grandes blockbusters US. Não parece também haver grande mercado do alternativo.
Teatro é maravilhoso ver as grandes peças de ópera no centro de Londres. Fantasma da Opera, Les Miserables são grandes espetáculos que vale a pena ver. A organização inglesa mostra-se nas bebidas. As pessoas pedem antes de entrar, e no intervalo, as bebidas estão servidas de fresco com a conta ao lado. Nunca há problemas de pessoas a roubar as bebidas dos outros.
Conhecimento do que se passa nos outros países é esquecer. Os ingleses vivem uma mentalidade de são o UK e a Europa é o resto. Mesmo conhecimento do próprio país parece ser uma preocupação minúscula, no pessoal que conheci. O que conta mesmo é conhecer os pubs. Esses parecem ser todos típicos mas não são, são cadeias tipo mcDonalds. É fácil ver que os nomes são sempre os mesmos "Hogshead", "TD Wheterspoon", "White Prince" etc. O factor mais é a preservação da história do país.
Monumentos e museus estão sempre muito bem conservados e estes últimos organizados de maneira a serem atractivos para o povo e não apenas repositórios de velharias. Os museus são negócios bem moldados, muitos deles á borla para entrar, mas com saída obrigatória pelas souvenir shops. Dias em memória de guerras e batalhas são comemorados com seriedade e respeito pelas vidas perdidas em nome da pátria e com meios impressionates. A RAF tem uma esquadrilha em estado de voo com spitfires, Hurricanes e até um bombardeiro Lancaster que fazem voos em dias de comemoração da vitória na WWII. São quase todos mantidos por voluntários, existindo muitos aviões, navios e veículos em perfeito estado de conservação pelo país todo.
Na parte da arquitectura é uma tristeza. As casas são todas acastanhadas de tijolos em bairros tipo moradias em banda. O que é moderno é também sem grande gosto. O uso das cores é horrível.

Comments

The Best Alltime Posts

Jacques Cousteau - Episódio Negro no Tejo

Sacadura Cabral...faz hoje 28 anos..

Abu Nidal em Portugal