A India e o desporto

Aqui é o Cricket e mais nada. É um dos melhores praticantes do mundo com montes de putos a treinar em campos pelos parques e escolas. A Pepsi aposta muito em campanhas onde figuram as maiores estrelas. A Hero-Honda tem um anúncio de motas que parece um vídeo de boys-band, e que aparece um dos actores a fazer um lançamento.

Em Goa vimos um clube filial local do Sporting, que participa num campeonato indiano. Contudo o futebol não tem cá expressão mediática apesar de toda a gente saber que o Cristiano Ronaldo joga no MUtd. É frequente ver campos de basket e futebol, mas os putos jogam é cricket.

Existe uma liga nacional com regras diferentes dos torneios internacionais que levam dias e dias. Esta versão consegue assegurar umas poucas horas e as equipas têm equipamentos coloridos como noutros desportos de clubes. Os bilhetes são caros, rondam os 50 euros. Vi um bocado de um jogo na TV e não percebo como é que da bancada se percebe alguma coisa. Além das bolas atiradas irem com uma grande velocidade, tudo se passa num espacito minúsculo onde a bola se confunde com a relva meia rala. Nada que impeça estádios com milhares de pessoas cheias de entusiasmo.

A escuderia F-1 Force Índia leva algum destaque, claro.

O A.C. Green, jogador dos Lakers nos gloriosos 80s, esteve em Mumbai a abrir um campo de basket. Potencial não falta, em termo de número de adeptos como praticantes. Ao contrário dos chineses eles parecem contentes em ser dos melhores em cricket (a Índia teve as mesmas medalhas que Portugal nos JO de Pequim…com 100 vezes a nossa população).

Comments

The Best Alltime Posts

Jacques Cousteau - Episódio Negro no Tejo

Sacadura Cabral...faz hoje 28 anos..

Abu Nidal em Portugal