Mundial Pindérico


Nos grandes eventos assiste-se aos mais tristes e pindéricos episódios de apoiantes ou entusiastas.

A TV tem sido pródiga a mostrar todas as aberrações possíveis e imaginárias dos adeptos tugas nos dias previos ao mundial.

Eu estou-me também a marimbar para sabe quantas sardinhas se comeu, qual foi o maio cordão humano, qual a maior bandeira, para saber se chegou lá o gajo que vai de bicicleta, e para saber quem são os maiores apoiantes de Portugal.

Os jogadores estão na Alemanah pra jogar e não para passar o dia a dar autógrafos a todos os parvalhões que organizam maluqueiras. Claro que agradecem o apoio, mas a competição para ver quem é o "maior adepto" e para aparecer na TV é secundária. Se querem apoiar a sério, comprem um bilhete e vão ao estádio. Se já não houver, é a vida, vão ter de ser apenas os que estão lá dentro...

É uma moda ter bandeiras de Portugal na janela em casa. Não se trata de patriotismo nenhum, é apenas uma moda, assumida por muitos que nem sabem distinguir a bola de um tijolo. Portugal é neste momento a melhor equipa, mas mal perca acaba-se o entusiasmo. Viu-se no Euro o abandonar do apoio depois de termos perdido na final. Como se Portugal algum dia tivesse ido á final de algum Euro ou Mundial. Muita gente matava para ter chegado onde chegamos.

O video que passa na SIC com um bando de mentecaptos a cantar "nã-nãaaaaa-na" é deplorável. Podia ter sido filmado num centro para deficientes que ninguém dava pela diferença. Ao menos a SIC trocou algumas imagens ao longo dos últimos dias.

Agora o Mundial não deixa de ser um grande evento para quem gosta de ver futebol jogado. Isso adoro e tenciono ver os 3 jogos do grupo de qualificação. Ver um jogo num estádio é um espetáculo grandioso e ouvir o hino lá dentro é um dos prazeres de Português. Para mim o que vai contar serão os 90 minutos de futebol, é isso que me move. Não bandeiras em casa, cantoria na TV e sardinhas.

Comments

luisagouveia said…
Concordo. Acho que anda por aí, uma histeria miserável, em volta da nossa selecção. Chega a ser degradante o que se vê, rasca e populista. Até acho bem apoiar...mas apoiar no dia do jogo, ou apoiar sempre a nossa equipa...mas não apoiar por moda!
Acho que as tv's só andam a mostar lixo nestes dias.
e ainda não viram o Brasil ou a Argentina
Zozobra said…
Fdx, qual é o problema de sardinhas e bejeca? é melhor que ver os jogos as secas...
Tas feito um parolo...
Permanências: António Tavares, Miguel Leite, Marco Gonçalves, Bá Mustapha, Nuno Sousa,Tiago Freixo e Diogo Simões. Powell (tem contrato, logo fica...)

Saídas: Rui Mota (as mas linguas dizem que volta ao FCP..) Ricardo Hill e David Lucas; Steven Logan, Bakari Hendrix e Terrence Leather

Reforços: Henrique Vieira (Treinador, ex-Ovarense) Leroy Watkins, Miguel Minhava, Xico Rodrigues, Carlos Andrade, Ian Stanback

parece-me que vamos ter equipa :)
Nem mais!!
Este País paranóico vive destas baboseiras...
Nem desgosto das bandeiras à janela, mas gostei mais no Euro2004: a alegria era mais genuina.
Agora são as televisões, os jornais, as rádios a encher chouriços com a selecção, com "hinos à selecção" cada um pior que o outro (já ouviram o da rádio comercial? mais desafinado é impossível!!), e + aquelas estupidezes que relatas no post.
Oxalá nao aconteça como aos sub-21: ganharam TODOS os jogos do apuramento; perderam TODOS os jogos da final.
Entretanto, sem paranóias, VIVA PORTUGAL!! :)

The Best Alltime Posts

Jacques Cousteau - Episódio Negro no Tejo

Sacadura Cabral...faz hoje 28 anos..

Abu Nidal em Portugal