CAB x SLB, jornada 14 da Liga UZO

Fomos ver o CAB x SLB, jornada 14 da Liga UZO.
O SLB tem outra dinâmica de jogo, com fortes jogadores interiores, bons atiradores e um base que se foi integrando e que depois resolveu o jogo, Starks. Gostei muito dele, bom drible e passe, bom tiro e sabe jogar bem o 5x5. O Ashante e o Carlos Andrade foram um destroço nas alas contra o CAB, e fizeram esquecer o Corey que teve uma paupérrima actuação. O cab continua a mostrar muitas deficiências no seu colectivo pese ao querer e moral da equipa serem fortes e quase terem conseguido uma bela recuperação no quarto período.
O Filipe da Silva e o Eric Sandrin estiveram impecáveis, este ultimo com um afundanço que garanto que estaria nas 10 jogadas da NBA!!
O Eric Sandrin se tiver mais ambição vai longe. Tem lançamento, enorme capacidade atlética e agilidade para finalizar contrataques, é forte nos ressaltos, tem jogo interior, mas por alguma razão acaba muitas vezes na linha dos 3 pontos enquanto o PJ e o Ike estão no poste baixo a pedir a bola para jogar o 1x1.
O Mario A. desta vez conectou com 5 em 6 triplos, vá lá mas continua a ser um jogador muito pobre, sem velocidade, e sem capacidade atlética. Quando acerta com os lançamentos 5*, de resto...
O P.J. Bucket é uma nulidade, muito lento e pesado, teve bem na recuperação com 3 cestos consecutivos mas de resto é só vale pelos kilos em campo.
O Earl Ike parece ter 40 anos. Tem os dois joelhos ligados e nunca os dobra. Em 2 jogos que vi dele fez 2 afundanços em que nem se dobrou e a bola bateu repetidamente dentro do aro antes de descer, de tão tangente que foi o posicionar por cima da linha do cesto. Ontem falhou um quem que a bola nem subiu toda acima do aro. Depois vi-o a coxear. Além disso é tosco e lento, embora bem esforçado e com atitude de equipa. Não desgosto de o ver a jogar porque acaba por ser um jogador útil com defesa e ressaltos, mas é muito limitado e provavelmente não estará em grandes condições físicas.
O Annuncianto, que passa mais tempo em hi5s e a cumprimentar os colegas quando lançam lances livres do que a jogar, jogou apenas 7 minutos e francamente ainda bem. É lento demais para jogar onde joga e o seu lançamento é no mínimo irregular.
O Seco Camará..enfim o desastre do costume... Sem ritmo, vontade e com total falta de instintos de basket.
Os jovens madeirenses, nos poucos minutos em campo não compremeteram

Comments

The Best Alltime Posts

Jacques Cousteau - Episódio Negro no Tejo

Sacadura Cabral...faz hoje 28 anos..

Abu Nidal em Portugal