Visita á linha de Produção A380

Tivemos o IMENSO prazer de visitar a linha de Produção A380 em Toulouse. Por cerca de 17 euros tivemos direito a uma visita guida (em francês) de 1h30 pelos edificios da fábrica, e uma entrada num Concorde. Levar máquinas fotográficas lá pra dentro é interdito, e telefones apenas desligados. Para evitar chatices por uma série de razões, cumprimos na íntegra as regras. As fotos que se vêem cá foram todas tiradas do exterior.A visita começa nesta entrada com um mockup á escala da cabine do A380 (e a parte central a branco corresponde á do A320), depois passamos por uma réplica do sistema de monitorização de testes com o repassar do 1º voo.


O melhor vem a seguir com a ida aos hangares de assemblagem. A foto que vêem aqui mostra o sitio onde cabem 4 A380 ao mesmo tempo.


Tem a forma de um "U" mas apenas um dos lados e o curva estão funcionais, podendo o outro lado (que não se vê) ser activado em caso de necessidade de aumento de produção.

Do lado direito é onde se assemblam as parte principais da fuselagem, asas e trem. Existe apenas uma posição destas. Depois passa para uma das três á esquerda onde se testam os sistemas todos e se colocam as peças mais pequenas e finalmente os motores. Subimos lá acima e de uma janela pudemos ver toda esta parte. O mais impressionate é ver o ar calmo com que as coisas lá se passam. No chão, um slat aqui, umas carenagens de flaps ali, pecinhas para serem montadas no gigante.

Lá dentro estavam os MSN 14 (Emirates, creio), 13 (Qantas) e 10.

Na rua, já se fazem testes com fuel dentro das asas (la dentro com Hélio apenas). Aqui pode-se ver o MSN08 que será o primeiro a ser entregue. Será entregue á Singapore em Outubro de 2007.



Á volta pudemos ver bancos de teste de motores (uma casa circular fechada onde colocam o avião travado e metem full power), segurança anti incêndios, etc

Como nota de curioside, existe uma placa numa rotunda que diz "A330 Memorial", penso que deve ser em memória da tripulação de testes que morreu no inicio dos anos 90, ao despenharem-se com um protótipo de um A330.


A ida ao Concorde foi um pouco decepcionante, pensava ser o da Air France que se vê no meio do museu de aeronaves antigas (que fez o ultimo voo Paris-Toulouse), mas foi o primeiro protótipo francês, e creio que o primeiro a voar. Entrada e saida apenas pela porta da frente, interior com test benches e uma cabina VIP de 32 lugares. Creio que o droop-nose não existia neste. Lá dentro um cheiro a mofo bem forte.

Ao lado um Caravelle com house colours que não pudemos visitar :(

Para marcar as visitas, podem ir a:
www.taxiway.fr

Comments

The Best Alltime Posts

Jacques Cousteau - Episódio Negro no Tejo

Sacadura Cabral...faz hoje 28 anos..

Abu Nidal em Portugal